História

História 2016-12-05T18:37:42+00:00
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Associação Cristã de Moços (sigla “ACM”) é uma organização fundada em 6 de junho de 1844, em Londres por um jovem chamado George Williams. Na ocasião o objetivo era oferecer aos jovens que chegavam em Londres a trabalho, uma opção à vida nas ruas, incentivando a prática de princípios cristãos, conforme ensinados por Jesus Cristo, através de estudos bíblicos e orações.

A proposta da YMCA era incomum à época, pois propunha uma ruptura nas rígidas separações entre denominações cristãs e classes sociais que delineava a sociedade inglesa de então. Esta abertura se tornaria uma distinção a caracterizar a associação, disposta a inclusão de qualquer homem, mulher, ou criança, independentemente de raça, religião ou nacionalidade. A ênfase no contato social também foi desde o início uma característica da associação.

Atualmente a ACM adota uma abordagem multidisciplinar, visando o desenvolvimento espiritual, intelectual e físico. Esta abordagem é representada na marca da ACM/YMCA pelo triângulo vermelho, simbolizando a missão de construir um espírito, corpo e mente saudáveis.

Desde 1884, a YMCA tem se espalhado pelo mundo, contando com cerca de 45 milhões de associados em 124 federações nacionais afiliadas à “World Alliance of YMCAs” (Aliança Mundial das ACMs). O grau de ênfase e comprometimento com a fé cristã varia hoje de associação para associação. De modo geral, as ACMs mundo afora permanecem abertas a todos, a despeito da fé, classe social, idade ou sexo.

Vídeo

Fotos da ACM Rio

Fotos da YMCA

Fundação e Desenvolvimento

Da fundação, em 6 de junho de 1844, rapidamente o movimento se expandiu pela Europa. Em 1845, a ACM já possuía uma sede própria em Londres, com um local atraente e um secretário profissional, T. H. Tarlton, para organizar a sede e promover uma série de programas que iam dos estudos bíblicos e aulas de línguas estrangeiras até sala de banhos e início de atividades de educação física.

Em 1849, foi necessário conseguir um local mais amplo, onde se organizou uma biblioteca, sala de leitura e salas de aulas, onde se ministravam cursos para os empregados associados.

Quando, em 1850, houve em Londres a Grande Exposição Mundial da Indústria, da qual participaram pessoas de todo o mundo, a ACM organizou um plano de atividades espirituais e culturais para os visitantes. Foram organizados 550 reuniões públicas para jovens e um grande número de conferências sobre tópicos religiosos, no Exeter Hall; também foram distribuídos aos participantes 362.000 folhetos explicativos sobre o trabalho da instituição.

Como resultado, em 1851, fundaram-se as ACM de Montreal e Boston. Nesse mesmo ano de 1850, George Williams mudou-se temporariamente para Paris, onde veio o interesse de se fundar uma ACM.

Mais tarde, a partir de 1851, havia ACM em países tão distintos quanto Holanda, Índia, Austrália, Estados Unidos e Alemanha.

Em agosto de 1855, resolveu-se realizar a Primeira Conferência Mundial, dela participaram as ACM da Inglaterra, Holanda, Estados Unidos, França, Canadá, Bélgica e Alemanha. Durante o encontro, precisamente no dia 22 de agosto, é aprovada a “Base de Paris”, linha filosófica das ACM em todo o mundo.

Em 1856, a ACM cumpriu um importante papel no auxílio aos soldados durante a Guerra Civil dos Estados Unidos da América.

Após conferência com o presidente Abraham Lincoln, a ACM organizou seus voluntários para distribuição de medicamentos e alimentos para os beligerantes. Entre outras ações, a ACM de Chicago organizou um livro de hinos para os soldados.

Na IX Conferência Mundial, em 1881, em Londres, foi aprovado o emblema da ACM. O círculo lembra a ação da ACM nos cinco continentes. Ao centro o monograma de Cristo, com as letras XI e RO do alfabeto grego (XP), simbolizando a base da ACM: a vida, personalidade, ensino e obra de Cristo. No centro, a bíblia aberta no evangelho segundo João, capítulo 17, versículo 21: “Para que todos sejam um”.

Em 1885, J. Gardner Smith, da Browery Branch, YMCA de Nova Iorque, inicia o Corpo de Líderes para jovens do Departamento de Educação Física.

Também nesse ano, cria-se o primeiro acampamento com instalações definitivas para finalidades educativas nos Estados Unidos. A ACM é pioneira nos acampamentos com finalidades educativas, sendo organizado pela primeira vez por Peter Haerem, dirigente da ACM da Noruega, no ano de 1866. Na América Latina, o primeiro acampamento foi organizado pela ACM de Buenos Aires, em 1903.

Em 1891, o professor James Naismith, instrutor da YMCA Springfield College, inventou o Basquetebol para ser praticado como esporte de inverno. No ano de 1892, Naismith publica pela primeira vez as regras oficiais do esporte que passou, no ano de 1936, a ser modalidade olímpica.

Em 1893, Myron Clark, no dia quatro de julho, funda a primeira ACM da América Latina, no Brasil, na cidade do Rio de Janeiro. Em 1894, é celebrado o primeiro cinqüentenário da ACM, o número de associações existentes era de 5.109 e o número de associados de 456.142. Em 1895, William Morgan, diretor do Departamento de Educação Física da YMCA Holyoke, Massachussetts, cria o Voleibol, que teve o objetivo inicial de servir de exercício recreativo para desportistas. O Voleibol tornou-se esporte olímpico no ano de 1964.

Em 1901, Henri Dunant, um dos fundadores da ACM, recebe o primeiro Prêmio Nobel da Paz, pela fundamental importância na criação da Cruz Vermelha Internacional, na Convenção de Genebra, em 1864. Dunant foi dirigente da ACM de Genebra e teve grande participação na elaboração da Base de Paris. No dia 23 de dezembro de 1902, é fundada a ACM de São Paulo. Em 1905, é celebrado em Paris, o jubileu de ouro da Aliança Mundial e da Base de Paris.

Em 1906, o número de associações existentes passa para 7.773 e o número de associados para 722.000.

A ACM também teve participação importante na Primeira Guerra Mundial (1914-1918). Logo após a deflagração dos combates, a ACM mobilizou seus voluntários em todo o mundo. As ações incluíram arrecadação de fundos de guerra, distribuição de alimentos para populações atingidas e trabalhos de recreação e lazer com prisioneiros. Só nas ACM dos Estados Unidos, foram arrecadados mais de cinco milhões de dólares em fundo de guerra. Estima-se que o trabalho da ACM tenha atingido mais de seis milhões de pessoas na Europa, Ásia e África. Durante o período das duas grandes guerras mundiais, cerca de mil veículos “Carros de Chá”, circularam pela Europa auxiliando populações atingidas pelas guerras.

Em 1930, o diretor da Seção de Educação Física Infantil da ACM de Montevidéu, Juan Carlos Ceriani, cria o Futebol de Salão, motivado pela Copa do Mundo de Futebol ganha pelo Uruguai, sendo concebido para ser praticado em ambiente fechado durante o ano todo. Em 1933, por solicitação do Instituto Técnico da Confederação Latino-Americana das ACM, foram publicadas as primeiras regras do novo esporte.

Em 1944, lamentavelmente, em razão da Segunda Guerra Mundial, as comemorações do primeiro centenário da ACM são suspensas. Todavia, a ACM já contava com 10.000 associações e cerca de 2 milhões de associados.

Em 1946, em homenagem ao trabalho desenvolvido pela ACM no período de guerras, John Raleigh Mott, líder acemista, recebe o Prêmio Nobel da Paz.

Hoje, aos 160 anos de atividades em todo o mundo, o ideal e a missão da Instituição não mudaram. As grandes transformações do mundo moderno não modificaram as bases fundamentais do trabalho da ACM.

Os dados mais recentes da Aliança Mundial contabilizam um total de 14.000 associações locais em 120 países com 45 milhões de membros.

wikipedia Wikipédia

Para mais informações acesse o verbete da ACM na Wikipédia

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.
Translate »